Chen Zimbalista Percussionista  Clássica  Jazz  Rock
Inscrição um a um   Classe Mestra   Talher

 

O percussionista Chen Zimbalista é uma força da natureza. Exibindo habilidades musicais preternaturais desde criança, este artista natural de Israel domina mais de 40 instrumentos exóticos de dúzias de países, e comprovou ser igualmente adepto a executar composições clássicas complexas. Ele se sente igualmente à vontade com World Music e jazz.   

No cenário, Zimbalista é uma presença explosiva e excitante. Seus energéticos shows são uma experiência visceral que têm de ser vistos, não só ouvidos. Sua desarmante atitude no cenário e ímpeto em carne viva conseguem motivar as audiências mais reservadas a serem participantes ativas no evento. Ele é um dos ‘segredos mais bem guardados’ do mundo – e está a ponto de eletrificar a América. Prestes a fazer um tour pelos EUA como atração principal (e também como convidado junto à Chamber Ensemble Concertante), o Los Angeles Times levou em conta seu impressionante desempenho como Artista Convidado com a LA Jewish Symphony ao declarar que Chen “tem de ser” um nome familiar neste país. “Zimbalista é um dínamo jovem, muscular e intenso com carisma de sobra e uma técnica precisa que não conhece fronteiras estilísticas. Ele também é um showman que sabe como fazer uma entrada.” Ele “desenrolou um solo extraordinário, um com impacto cinético, com sentido de direção e lógica melódica “e com um ritmo de matar.”  Por que todos os solos de batucada não podem ser assim?

O solista de Marimba e Percussão Chen Zimbalista tem deslumbrado audiências em todo o mundo com suas famosas execuções de solos de percussão.  

Ele estudou com o Sr. Alon Bohr (Orquestra Filarmônica de Israel), na Academia de Música de Tel-Aviv, com o Professor Morris Lang (Filarmônica de New York), e o Professor Bent Lillof em Copenhague.  

Chen já se apresentou com a Orquestra Filarmônica de Israel, a Orquestra de Câmara de Israel, e com todas as principais orquestras em Israel.  Nos Estados Unidos, ele tem se apresentado com a Detroit Symphony, com a Los Angeles Jewish Symphony e com os Jupiter Symphony Chamber Players. Chen ganhou muitos prêmios, incluindo o Prêmio François Shapira, o Prêmio Artistas Jovens Executando Música de Israel e o primeiro prêmio do Conselho Nacional para a Cultura e as Artes por executar seu trabalho Impulse 1.

A criatividade única de Chen tem inspirado compositores a escrever especialmente para ele: Noam Sheriff, Menachem Weisberg, Benjamin Yosopov e Mark Hagerty.

Ele gravou um CD em colaboração com o Centro de Música de Jerusalem , assim como um CD de solos, Desert Beat, lançado pela Koch Discovery. Ele fez tours pela China, EUA, Canadá, Brasil, Alemanha, Holanda, Portugal, Itália, África, Turquia, Inglaterra, França e Taiwan. Chen tem se apresentado em Festivais no mundo inteiro, incluindo o Festival de Israel; a Bienal de Música Contemporânea do Museu de Tel-Aviv e o Festival Kfar Blum, para quem faz consultoria musical em Israel; o Festival de Música Schleswig Holstein, o Festival de Música Bahnhof Rolandseck na Alemanha; no Kennedy Center para as Artes Cênicas (Washington, DC) e o festival Art Midwest nos EUA; o Festival de Música Stressa na Itália e no Festival das Artes Koahsiung em Taiwan.

 Crente que a música transcende fronteiras e que ela pode demonstrar a importância do respeito e da compreensão do outro, algumas das melhores performances de Chen foram na Turquia, na África (num Concerto especial pela Paz),  na Alemanha (com o Conjunto de Percussão de Stuttgart), assim como no Festival Israel 2000.

 Ele também tocou o concerto de abertura do Festival de Israel em 2001. Atualmente, ele é o Diretor Musical para o Festival Tom Tom em Natania, Israel.

 Zimbalista toca música clássica, blues, jazz e World Music em suas apresentações. Sua abrangência musical é evidente na variedade de repertórios que ele apresenta, desde as sublimes melodias de Bach, até o rítmico e complexo Concerto Ney Rosauro para Marimba e Orquestra, até os trabalhos modernos do compositor Israelense Benjamin Yusopov. As atividades clássicas do Chen incluem recitais, solos com orquestra e música de câmara. Os recitais são Solo, Duo e Trio com Piano, Violoncelo e dois percussionistas. Seus concertos incluem Bach, Bizet, Ney Rosauro, Lena Sokolovsky, Eugene Levitas, Chen Yi, Galin, Yusupov. A música varia desde Menachem Weisenberg, Rich O'Meara, Shostakovich, Miki, Bizet, e Villa Lobos até composições originais de Zimbalista.

 O concerto de música Percussão Mundial inclui dois ou três percussionistas e um pianista/tecladista.  O programa inclui música japonesa, brasileira, americana e improvisação do Oriente Médio, ou até seu projeto “Bach na África”. Ele também apresentou-se no Concerto pela Paz na Angola em colaboração com uma companhia de dança. Chen dá Aulas Mestras, assim como concertos Educativos e para a Família. Seu show ZIMBA é um concerto interativo para audiência e cinco artistas – percussionista/baterista, dançarino(a), cantor e baixista. Seu programa ARTDUO é feito em colaboração com Zhai Patish, dançarino e artista de vídeo.

 Misticismo ou acaso, Chen Zimbalista traça seu nome até um ancestral do lester europeu que tocava o címbalo.    

 Em 2002-2003, Chen foi Diretor Artístico da Orquestra Ashdod. Desde 2004, ele é o Diretor Artístico do Festival Musical e das Ciências no Instituto Weitzman, e o Diretor Artístico do TAM TAM, um Festival de Percussão Internacional anual.

 As oficinas ZIMBALISTAS levarão os participantes a uma sessão eletrizante de percussão corporal, palmas, cantos e composição musical. Descubra seu próprio carisma e amor pela música num grupo que aprende e apoia um ao outro.

As oficinas do Chen podem ser realizadas com membros de qualquer idade ou com quaisquer necessidades profissionais; todas as pessoas podem batucar, conduzir ou dirigir seu grupo.Fazer parte de um círculo de ritmo ou dirigir um grupo de percussão levará cada um de nós a uma jornada diferente com muitas experiências novas.

 
Aula Mestra de Zimbalista
As Aulas Mestras de Zimbalista focam na execução de solos e de música de câmara. Zimbalista dá suas aulas mestras para todo tipo de instrumentalistas. Concentra-se na percussão, marimba – usando quatro marretas, Dumbeck, Dejembe e Tamborim. Estes últimos instrumentos ajudarão a audiência a aprender sobre as batucadas do Oriente Médio, e serão acompanhadas por imagens e explicações profissionais. Os atendentes participma ativamente durante certas partes da Aula Mestra. Chen executa peças escritas especialmente para ele,como a peça de Wiesenberg, assim como Bach, Piazzolla, Rosauro e outros.